Tolices

(26) Tumblr

Esse é um daqueles textos com sabor de pensamentos sortidos, desejos de menina e um ''q'' de decepção...mas a vida é assim, a gente nasce,cresce,e só depois entende as coisas do coração.
Compartilho com vocês um pedaço de mim, pra ficar mais emocionante ,leia esse singelo texto ,dando um play nessa música logo ali(embaixo).


São raros os dias em que não arranjo-me algumas tarefas para fazer,já se tornou frase feita:'' eita moço,o dia foi corrido que só. Mas a vida é assim(ou eu deixei que ficasse assim?!),lembro-me muitíssimo bem ,de desejar crescer quando era uma ingênua criança. 

Pobre de mim, descobri que brincar de ser gente grande, não é tão divertido assim. Mas cá estou eu,crescida,atarefada e com alguns calos...não iguais aos que tinha quando possuía apenas seis anos de idade,aqueles que eram causados por passar o dia inteiro no parque perto de casa. São calos mais doloridos,mais difíceis de sarar.

Possuo dezenove primaveras bem vividas,com algumas tempestades, mas também com muitos dias de sol e céu azul.
Não vejo problema ter mais responsabilidades agora,apenas não peguei o jeito de conduzir essa vida,que tem mania de correr,e se não cuidar...ela escapa por entre nossos dedos.

Sinto saudades dos meus joelhos ralados,das correrias pelos campos,de chegar em casa a tardinha e ter meus ossos do rosto doídos de tanto sorrir,mas minha missão agora é me tornar autora de mim.
Com meus erros,clichenismos,sonhos e manias. Agora é continuar nesse caminho,sem perder minhas sapequices de menina. 

Crescer não é fácil não moço,e acreditar que tudo seria fácil, eram apenas tolices meu caro,tolices.





8 comentários:

  1. Falou tudo. Peter Pan que bem sabia o que o esperava.
    Nunca vou desapegar dos meus contos de fadas, sinto como se fossem o último resto de uma criança que ainda pede pra ficar aqui e brincar com os amigos, mas a vida não é tão simples e não me permite o luxo de liberar essa pequena Alice, exceto por pequenos momentos. Afinal, no fim todos temos pequenos momentos de nostalgia e felicidade, por mais raro e difícil que seja.

    Adorei o texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei pequena Alice, obrigada,fico feliz que tenha gostado. Acredito que todos nós temos esses pequenos momentos, uns mais outros menos, mas a nossa criança interior nunca deveria de morrer.

      Excluir
  2. Adorei o post,obrigado por seguir meu blog!
    Estou seguindo aqui também *o*
    http://theworldoflena.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada flor, fico super feliz que tenha gostado,um beijo.

      Excluir
  3. Ahhhh, que texto mais lindo, flor! Amei!
    É muito isso mesmo. Quando eu era criança, sonhava em crescer para dirigir ahuahahuhaha
    Mas crescer envolve tantas responsabilidades que às vezes (muitas vezes ><) dá vontade de voltar no tempo, quando resolver contas de divisão eram os maiores desafios.
    Beijãoo!!!

    https://penny-lane-blog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aaah,obrigada meu bem,fico feliz que tenha gostado. Pois é vontade de voltar no tempo mesmo, mas nada de contas kk sempre fui péssima. Um xêro

      Excluir
  4. Adorei o post, bem profundo... Adoro esse tipo de texto, seu blog é lindo. Estou seguindo! *-*
    Tem sorteio la no blog: http://dicasdagil.blogspot.com.br/
    Um beijo, Yasmim Gil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa,muito obrigada mesmo flor,agradeço de coração o carinho.
      Um beijo.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...