Desabafos e Cotidianices.


branca - lucas affonso
Aqui estou  as 10:47 da manhã,encarando uma parede laranja que cá entre nós...acredito não ter relação nenhuma com o os outros cômodos da sala. Faz pouco tempo que a gente se mudou,e eu sei que já tinha explicado um pouco sobre a minha situação um tempo atrás. Mas não é fácil recomeçar,ter que se refazer...pois tudo já fazia parte da rotina,as coisas já estavam praticamente direcionadas e eu deveria apenas seguir o fluxo,mesmo que tudo estivesse indo muito mal,e agora...cada passo é incerto.

Devido a tantas mudanças bruscas fico sem vontade de postar,pois como irei inspirar outras pessoas se a minha alma não anda inspirada,se vivo em conflito comigo mesma?! Então penso em desabafar aqui no blog,mas as pessoas não gostam de ficar lendo as desventuras dos outros,e isso é um pouco triste...não que eu ache que devemos ficar fazendo apelo emocional,mas eu parei pra pensar e sinto falta de blogs realmente pessoais,onde as pessoas mostrem o seu lado vulnerável e humano,hoje em dia é tudo tão comercial e mascarado que acabamos escrevendo por obrigação e não por prazer. Tenho a plena consciência de que muitos blogs começam assim e vão crescendo com o tempo,mas acho que é primordial fazer de tudo pra manter a essência do blog,sempre nos lembrarmos o real motivo de ter começado a compartilhar os nossos sonhos e sentimentos com os outros.

Por esses motivos(e alguns outros) estou contando os meus devaneios nessa quarta-feira(que parece segunda) chuvosa,e eu tenho tentado  ao máximo mostrar as pequenas coisas da vida que me deixam feliz e também tristes,e se as minhas cotidianices agradarem as pessoas e se elas acabarem se conectando de alguma forma,bom... isso será incrível,mas se não...tudo bem,pois o meu objetivo é ser sincera, e aqui eu posso. Por isso me desculpem pelo transtorno caso eu fique alguns dias sem postar,pois as vezes me desmancho,porém me refaço e continuo,pois sei que preciso respeitar esses momentos,mas também sei que não devo me entregar e desistir.

Quero a cada dia tornar meu cantinho mais pessoal,cheio de delicadezas,poesia e encanto. Espero que possamos nos tornar mais intímos e que vocês possam ver partes de mim que outros não conseguem ver,que possam ver minhas cores e minha flores desabrocharem nessa fase da minha vida.
Agora que as palavras fluiram...vou deixar vocês voltarem as suas rotinas e depois desse sincero desabafo,me sinto mais leve e vejo alguns conceitos mudarem...mas essa parede laranja ainda não faz sentido,mas eu posso me acostumar com ela. 

Carpe Diem.



2 comentários:

  1. Por mais blogueiras cumprindo o papel nos blogs. Sendo sinceras, sendo humanas!!!
    E se as coisas não faz sentido, é porque talvez não precise fazer mesmo. A parede laranja estará aí para te lembrar disso.
    Um abração Princesa Guerreira!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey flor,muito muito obrigada pelas palavras,elas realmente fizeram muita diferença e significaram muito pra mim, e você está certa,talvez não precise fazer sentido!!. Um xêro.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...